dcsimg

Christiaan Huygens


Christiaan Huygens, nasceu em 14 de abril de 1629 em The Hague, Holanda, e faleceu em 8 de julho de 1695, na mesma cidade. Estudou direito e matemática na Universidade de Leiden de 1645 a 1647, e de 1647 a 1649 no Colégio Orange, em Breda. Em 1654 descobriu uma nova maneira de polir lentes, tendo feito alguns dos melhores telescópios da época. Com eles, descobriu a forma dos anéis de Saturno, e seu satélite Titan. Em seu Systema Saturnium (1659), Huygens explica as fases e as mudanças de forma do anel. Foi o primeiro a usar relógios de pêndulos, patenteados por ele em 1656, estimulado pela descoberta de Galileo de que para pequenas oscilações, o período T de um pêndulo não depende da amplitude. Descobriu que, neste caso, T = 2ℓ/g, onde é o comprimento do pêndulo, e g a aceleração da gravidade.

Investigou as leis da colisão, estabelecendo, neste caso, a conservação do momento linear. Formulou uma teoria ondulatória da luz, mas supondo ondas longitudinais. Viveu por longos períodos em Paris, colaborando na Academia Real de Ciências, com auxílio real.

No final de sua vida, compôs um dos primeiros trabalhos propondo a possibilidade de vida extraterrestre, publicado após sua morte como o Cosmotheoros (1698). Neste livro Huygens dizia ter a mesma opinião dos grandes filósofos de sua época, que consideravam o Sol da mesma natureza das estrelas fixas. Tendo falhado ao tentar medir a paralaxe, procurou medir a distância relativa entre o Sol e Sírius, a estrela mais brilhante do céu e que, por isso, ele supôs a mais pr, usando a diferença entre a luz de ambas que chega à Terra. Bloqueou a luz do Sol, deixando-a passar sucessivamente através de dois pequenos orifícios, até que parecesse com Sírius, e concluiu que Sírius estaria 27 664 vezes mais distante que o Sol (valor 26 vezes menor que o real, de 2,7 pc). A maior fonte de erro na medida de Huygens foi assumir que Sírius tem o mesmo brilho que o Sol.

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: