Cinemática: 2. Referencial, Espaço, Movimento e Repouso

  • Data de publicação
Prof. Ivan de Abreu Magalhães


REFERENCIAL

É um corpo ou um objeto em relação ao qual podemos determinar a localização dos objetos e assim determinar se há repouso ou movimento.

Na prática podemos considerar como sendo o ponto de vista de um observador, e quando não for especificado, vamos considerá-lo como sendo a superfície terrestre.

ESPAÇO (s)

Espaço é a posição (localização) de um objeto em certo instante (momento) em relação a um determinado referencial.

Exemplos:


Figura 1

a) A placa numa estrada informa nossa posição (espaço), ou seja, onde estamos.

b) O numero de sua casa indica a localização (espaço) dela na sua rua para o referencial no início de rua.

c) A latitude e longitude de um barco indicam a sua posição (espaço) no planeta Terra.

d) A posição de um corpo (P) pode ser definida através das coordenadas cartesianas (x, y, z) em um conjunto de eixos cartesianos XYZ (Fig. 1).

Normalmente adota-se a posição (0;0;0), origem do sistema de eixos cartesianos para o referencial.

MOVIMENTO E REPOUSO

Um corpo está em movimento em relação a um dado referencial, quando seu espaço (posição) varia em relação a este mesmo referencial; caso sua posição não varie, ele estará em repouso em relação a este referencial. Os conceitos de movimento e repouso são relativos, ou seja, dependem do referencial adotado.


Figura 2

Por exemplo: Ao observamos a foto (Fig. 2) podemos dizer que:

- em relação ao fotógrafo que tirou a foto (referencial fotógrafo): o ciclista e a bicicleta estão em movimento.

- em relação ao ciclista (referencial ciclista): a bicicleta esta em repouso e o fotógrafo que tirou a foto está em movimento.

Comentários

Siga-nos:

Confira no Passeiweb

  • O primeiro voo do Homem no espaço

    Em 12 de abril de 1961 o homem decolava, pela primeira vez, rumo ao espaço. Em 2011, no aniversário de 50 anos deste fato, ocorreram comemorações no mundo inteiro e, principalmente, na Rússia.
  • Tsunami

    Tsunami significa "onda gigante", em japonês. Os tsunamis são um tipo especial de onda oceânica, gerada por distúrbios sísmicos.
 

Instituições em Destaque

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo:
 
 
 
-

Notícias e Dicas - Vestibular

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas do Vestibular e dicas de estudo: