dcsimg

Questões: São Bernardo, de Graciliano Ramos - 2


6. (UFLA) A única opção que NÃO caracteriza, integralmente, o personagem Paulo Honório, de São Bernardo, de Graciliano Ramos, é:

a) “Passou a vida a transformar as pessoas e os sentimentos em coisas mensuráveis, catalogáveis, sujeitas a valores de troca, a extirpar tudo o que ultrapassasse a objetividade ou a passividade das coisas.”
b) “Ascende de uma dura e miserável infância, que tudo lhe negou, à esplêndida condição de senhor de um mundo: a Fazenda São Bernardo, com suas terras, animais e homens.”
c) “Caráter inconstante, de atitudes dúbias: subserviente com todos os poderosos, arrogante e prepotente com os humildes.”
d) “Torna-se um poderoso, mas não foge ao destino humano: é um só, um homem desesperadamente solitário.”
e) “Personalidade enérgica, rica, dominadora, que avassala tudo e todos com sua vontade onipotente.”


7. (UFLA) Todas as alternativas dizem respeito às personagens de São Bernardo, de Graciliano Ramos, EXCETO:

a) Luís Padilha, ludibriado por Paulo Honório, perde a herança recebida do pai e se transforma em objeto nas mãos do fazendeiro.
b) Madalena, contrariando as expectativas de Paulo Honório, revela-se firme no propósito de combater os desmandos e as injustiças do marido.
c) Paulo Honório, depois da morte de Madalena, fracassa na tentativa de retomar o ritmo de trabalho que antes marcava sua vida.
d) Madalena, atormentada pelos ciúmes de Paulo Honório, entra num processo de autodestruição que a leva a uma doença fatal.
e) Paulo Honório, entrelaçando casamento e negócios, tenta apossar-se de Madalena da mesma forma como se apossou de São Bernardo.


8. (UFLA) Considere as afirmativas abaixo em relação ao romance São Bernardo, de Graciliano Ramos e, a seguir, marque a alternativa CORRETA.

I. A distância que há entre a brutalidade do narrador-personagem e a sofisticação da narrativa dificulta a verossimilhança da composição da obra.
II. A obra narra a ascensão de Paulo Honório, proprietário da fazenda São Bernardo, cujo único objetivo é lucrar com tudo e todos, vendo-os como objetos.
III. Nesta obra, o autor faz o balanço trágico da vida de um homem que se desumaniza para viver, abordando a problemática da coisificação dos indivíduos.
IV. Abandonado pela esposa, Madalena, Paulo Honório "despe-se" de seu orgulho e tenta uma reconciliação, já que vive momentos de angústia e solidão.

a) Apenas as afirmações I e II estão corretas.
b) Apenas as afirmações II, III e IV estão corretas.
c) Apenas as afirmações I, II e III estão corretas.
d) Apenas as afirmações I e IV estão corretas.
e) Apenas as afirmações II e III estão corretas.


9. (UFLA) Leia o trecho seguinte para responder à questão.

"Agitam-se em mim sentimentos inconciliáveis: encolerizo-me e enterneço-me; bato na mesa e tenho vontade de chorar." (Personagem Paulo Honório - São Bernardo - Graciliano Ramos)

Com relação à personalidade de Paulo Honório, personagem narrador do romance, pode-se inferir que ele possuía:

a) uma personalidade fraca, abatida pelas circunstâncias.
b) uma personalidade forte, revoltado contra tudo e contra todos.
c) uma personalidade lírica e sentimental, sendo incapaz de conciliar os próprios sentimentos.
d) uma personalidade complexa, perturbada diante dos acontecimentos.
e) uma personalidade astuciosa e dissimulada, em virtude de sua perturbação psicológica.


10. (UFLA) Com relação à obra São Bernardo, de Graciliano Ramos, só NÃO se pode afirmar que:

a) o social e o psicológico se fundem para criar uma obra de profunda análise das relações humanas.
b) apesar dos problemas existenciais, Paulo Honório revela certa consideração pelas pessoas que o serviram durante anos.
c) o protagonista é astucioso, desonesto, não hesitando em amedrontar ou corromper para conseguir o que deseja, vendo tudo e todos como objetos cujo único valor é o lucro que possam lhe trazer.
d) é a narração de Paulo Honório, em retrospectiva, da vida que levou: balanço trágico de um homem que viveu sem qualquer humanidade.
e) o autor analisa a questão da ambição, do poder, do desejo materialista de possuir bens, mesmo em prejuízo de pessoas e sentimentos.

1    23  4  

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: