dcsimg

Português - Literatura 2


01. (FUVEST) Tanto Luísa (O primo Basílio) quanto Virgília (Memórias Póstumas de Brás Cubas) praticaram o adultério
  • (A) por influência direta do excesso de leituras romanescas.
  • (B) com parentes próximos, o que tornava mais grave a situação moral de ambas.
  • (C) com o fim de ascender socialmente, unindo-se a parceiros de classe social mais elevada.
  • (D) por sua própria iniciativa, seduzindo abertamente seus respectivos parceiros.
  • (E) com antigos namorados, que reencontraram depois de casadas.
02. (MACKENZIE) Não caracteriza a estética parnasiana
  • (A) a oposição aos românticos e o distanciamento das preocupações sociais dos realistas.
  • (B) a objetividade, advinda do espírito cientificista, e o culto da forma.
  • (C) a obsessão pelo adorno e a contenção lírica.
  • (D) a perfeição formal na rima, no ritmo, no metro e volta aos motivos clássicos.
  • (E) a exaltação do eu e a fuga da realidade presente.
03. (FEI) Todas as características abaixo aplicam-se ao Simbolismo, exceto
  • (A) sugestão de estados da alma.
  • (B) visão pessoal e, freqüentemente, melancólica e pessimista da vida.
  • (C) volta aos ideais clássicos de equilíbrio e racionalidade.
  • (D) desejo de aproximar a literatura da música.
  • (E) presença da sinestesia, como instrumento de expressão e mescla de sensações.
04. (UNIP) Assinale a alternativa que transcreva um fragmento de texto no qual sejam evidentes algumas características fundamentais do Simbolismo.
  • (A) Sinto-me, sem sentir, todo abrasado No rigoroso fogo que me alenta; O mal que me consome me sustenta, O bem que me entretém me dá cuidado.
  • (B) Lede, que é tempo, os clássicos honrados; Herdai seus bens, herdai suas conquistas, Que em reinos dos romanos e dos gregos Com indefeso estudo conseguiram.
  • (C) Três da manhã. Desperto incerto... E essa quer [messe? E a Flor que sonho? e o sonho? Ah! tudo isso [esmorece! No meu quarto uma luz luz com lumes amenos, Chora o vento lá fora, à flor dos flóreos fenos...
  • (D) Deus e o Diabo é que me guiam, mais ninguém. Todos tiveram pai, todos tiveram mãe. Mas eu, que nunca principio nem acabo, Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo.
  • (A) Sinto-me, sem sentir, todo abrasado No rigoroso fogo que me alenta; O mal que me consome me sustenta, O bem que me entretém me dá cuidado.
05. (MACKENZIE) Assinale a alternativa em que aparece o nome de um romance que não pode ser encaixado na segunda fase de Machado de Assis.
  • (A) Esaú e Jacó
  • (B) Dom Casmurro
  • (C) Ressurreição
  • (D) Quincas Borba
  • (E) Memórias Póstumas de Brás Cubas
06. (UFV-MG) Leia atentamente o fragmento do sermão do Padre Antônio Vieira: A primeira cousa que me desedifica, peixes, de vós, é que comeis uns aos outros. Grande escândalo é este, mas a circunstância o faz ainda maior. Não só vos comeis uns aos outros, senão que os grandes comem os pequenos. Se fora pelo contrário era menos mal. Se os pequenos comeram os grandes, bastara um grande para muitos pequenos; mas como os grandes comem os pequenos, não bastam cem pequenos, nem mil, para um só grande […]. Os homens, com suas más e perversas cobiças, vêm a ser como os peixes que se comem uns aos outros. Tão alheia cousa é não só da razão, mas da mesma natureza, que, sendo criados no mesmo elemento, todos cidadãos da mesma pátria, e todos finalmente irmãos, vivais de vos comer.
VIEIRA, Antônio. Obras completas do padre Antônio Vieira: sermões. Prefaciados e revistos pelo Pe. Gonçalo Alves. Porto: Lello e Irmão — Editores, 1993. v. III, p. 264-265.

O texto de Vieira contém algumas características do Barroco. Dentre as alternativas abaixo, assinale aquela em que NÃO se confirmam essas tendências estéticas:
  • (A) O culto do contraste, sugerindo a oposição bem / mal, em linguagem simples, concisa, direta e expressiva da intenção barroca de resgatar os valores greco-latinos.
  • (B) A tentativa de convencer o homem do século XVII, imbuído de práticas e sentimentos comuns ao semipaganismo renascentista, a retomar o caminho do espiritualismo medieval, privilegiando os valores cristãos.
  • (C) A presença do discurso dramático, recorrendo ao princípio horaciano de “ensinar deleitando” — tendência didática e moralizante, comum à Contra-Reforma.
  • (D) O tratamento do tema principal — a denúncia à cobiça humana — através do conceptismo, ou jogo de idéias.
  • (E) A utilização da alegoria, da comparação, como recursos oratórios, visando à persuasão do ouvinte.
07. (UNOPAR-PR) Desenvolvimento do comércio de reduzida importância na Idade Média; crescente utilização do dinheiro, invenções e melhoramentos técnicos decorrentes das grandes navegações.
Os dados anteriores integram o painel histórico do
  • (A) Classicismo
  • (B) Barroco
  • (C) Romantismo
  • (D) Arcadismo
  • (E) Modernismo
08. (UNOPAR-PR)

Oh! Que saudades
Do luar da minha terra
Lá na serra branquejando
Folhas secas pelo chão
Este luar cá de cidade
Tão escuro não tem aquela saudade
Do luar lá do sertão!


Os versos acima ilustram características do Arcadismo:
  • (A) exaltação à natureza da terra natal.
  • (B) declarada contenção dos sentimentos.
  • (C) expressão de sentimentos universais.
  • (D) volta ao passado para escapar das agruras do presente.
  • (E) oposição entre o campo e a cidade.
09. (UNOPAR-PR) Considere as seguintes afirmações:

I. A temática e a linguagem barroca expressam os conflitos experimentados pelo homem do século XVII.
II. A linguagem barroca caracteriza-se pelo emprego de figuras, como a comparação e a alegoria, entre outras.
III. A antítese e o paradoxo são as figuras que a linguagem barroca emprega para expressar a divisão entre mundo material e mundo espiritual.
IV. A estética barroca privilegia a visão racional do mundo e das relações humanas, buscando na linguagem a fuga às constrições do dia-a-dia.

Dentre elas, apenas
  • (A) I e III estão corretas.
  • (B) II e IV estão corretas.
  • (C) III está correta.
  • (D) I, II e IV estão corretas.
  • (E) I, II e III estão corretas.
10. (UFSM-RS) Autor de Obras poéticas, apresenta, em suas composições, motivos árcades. Assinale a alternativa que identifica esse autor, associando, corretamente, seu nome à característica presente nessa obra:
  • (A) Cláudio Manuel da Costa — desencanto e brevidade do amor
  • (B) Basílio da Gama — preocupação com feito histórico
  • (C) Tomás Antônio Gonzaga — celebração da natureza
  • (D) Basílio da Gama — inspiração religiosa
  • (E) Tomás Antônio Gonzaga — celebração da amada.



Mais simulados de Português



Comentários

[ X ]
Resultado

Você acertou 0 de 0 questões

0

[ Veja a resposta correta de cada questão ]

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: