dcsimg

Instituição divulga a concorrência dos Programas de Ingresso


A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), através de sua Comissão Permanente de Seleção (Copese), divulgou a relação candidato/vaga dos seus programas de ingresso-Vestibular e Programa de Ingresso Seletivo Misto (PISM). Em entrevista, concedida pelo diretor da Copese, professor José Maria Pereira Guerra, foi divulgada a relação candidato por vaga dos cursos em cada programa, além das estatísticas quanto ao número de inscritos no Vestibular e PISM deste ano, comparado ao último processo seletivo.

Um dado que chamou a atenção foi a elevação do número de candidatos por vaga em alguns cursos. Química e Estatística foram os que apresentaram o maior aumento. Para José Maria Pereira Guerra, isso pode ser reflexo do mercado."O profissional de química tem sido bastante requisitado, por isso a elevação na procura pelo curso". No caso de Estatística, ele atribui o fato de ser um curso novo oferecido pela Universidade. No total, 17.4588 candidatos vão estar disputando 2.140 vagas, sendo 2.623 candidatos inscritos no PISM III e outros 14.835 no Vestibular. No PISM I, se inscreveram 11.004 candidatos e no PISM II, foram 6.856 inscrições. O número de inscritos nos dois programas- Vestibular e PISM - foi de 35.318 candidatos.

Quanto ao curso que apresentou o maior número de candidatos por vaga, não houve surpresa. Medicina continua liderando a relação dos cursos com o maior número de inscritos. No gupo A (cotistas que estudaram pelo menos 7 anos em escola pública e que se auto-declararam negros), foram 13,7 para cada vaga; no B (cotistas que estudaram pelo menos 7 anos em escola pública e que não se auto-declararam negros), o número foi de 23,1; e no C (candidatos não cotistas
), 54,8.

Segurança: Um dos pontos destacados pelo diretor da Copese é que no processo seletivo da UFJF 2008 haverá uma atenção especial quanto à segurança. Para evitar fraudes, será proibido o porte de aparelhos eletrônicos-celulares, beeps, pagers, mp3, mp4- no interior dos locais de prova. Uma outra restrição se refere ao uso de adornos em orelhas. Os candidatos deverão retirar os brincos e piercings para realizar as provas. "Com isso queremos promover uma seleção justa e dar mais tranqüilidade ao candidato", explica o professor José Maria Pereira Guerra.

E ainda, como medida de cautela, serão colhidas, em todos os dias de prova, as digitais dos candidatos. Essas digitais ficarão armazenadas em arquivo para, caso haja necessidade, serem conferidas no ato de matrícula.


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: