dcsimg

Universidade muda regra e cria desconto de 50% na taxa do vestibular


A Universidade de São Paulo (USP) mudou as regras para conceder isenção da taxa do vestibular 2010, cujo prazo para fazer o pedido começa nesta quinta-feira (25).

A isenção total da taxa de R$ 100,00 será para alunos da rede pública com renda familiar per capita de até R$ 605,00. A novidade é que agora o candidato da rede pública com renda familiar per capita entre R$ 605,01 e R$ 1.163,00 poderá solicitar desconto de R$ 50,00 na taxa. Além disso, pela primeira vez, os pedidos deverão ser feitos pela internet, o que facilita para todos, mas especialmente para os estudantes que moram em outros estados.

Também será respeitada a lei estadual 12.782, que prevê isenção de 50% para candidatos com renda individual de até R$ 930,00 e que comprovem estar desempregados. A decisão foi publicada no “Diário Oficial” de quinta-feira (18). “A idéia é ampliar o número de isenções concedidas. Antes, muitas pessoas ficavam de fora porque a renda ultrapassava um pouco o limite da faixa de isenção”, afirma Marisa Luppi, diretora da Divisão Social da Coordenadoria de Assistência Social da USP. No vestibular 2009, das 65 mil isenções oferecidas, somente cerca de 30 mil foram preenchidas.

SAIBA QUAIS OS CRITÉRIOS DE ISENÇÃO DA TAXA DA FUVEST
Isenção total - Ter cursado ou estar cursando ensino médio em escola pública brasileira
- Ter renda familiar per capita de até R$ 605,00
- Morar no país
Isenção parcial (50%) - Ter cursado ou estar cursando ensino médio em escola pública brasileira
- Ter renda familiar per capita entre R$ 605,01 e R$ 1.163,00
- Morar no país
Isenção pela lei estadual 12.782/2007 - Ter renda individual de até R$ 930,00
- Comprovar estar desempregado. Para isso é preciso entregar algum documento, que pode ser até uma carta de próprio punho, comprovando que trabalhou em algum período nos últimos 12 meses.
Fonte: USP
Outra mudança é que antes somente poderiam solicitar a isenção candidatos do estado de São Paulo, porque o pedido era feito pessoalmente nos postos da Fuvest. Como agora será tudo on-line, pessoas de outras partes do país também poderão participar. “Antes, não fazia pessoas de outros estados gastarem dinheiro com passagem para entregar a documentação para ter isenção da taxa”, diz Marisa.

A entrega da documentação comprobatória deverá ser feita pelo correio. O prazo final para pedir isenção termina no dia 10 de agosto, que é também a data final para colocar no correio os documentos.

Durante quatro finais de semana, a Fuvest montará postos de atendimento para quem quiser entregar a documentação pessoalmente.

POSTOS DA FUVEST
Datas de funcionamento (sempre das 8h às 17h) 27 e 28 de junho - 4 e 5 de julho
- 1º e 2 de agosto
- 8 e 9 de agosto
Locais dos postos
Bauru Campus USP - Faculdade de Odontologia Av. Dr. Octávio Pinheiro Brisola, 9-75 - Vila Universitária
Butantã Serviço Social - Coseas Rua do Anfiteatro, 295, Bloco G - térreo - Cidade Universitária
EACH USP Leste Av. Arlindo Bétio, 1.000 - Ermelino Matarazzo - Acesso pela passarela da Estação USP Leste da linha da CPTM ou km 17 da rodovia Ayrton Senna - Vila Parque Ecológico do Tietê - Portaria 1
Lorena Campus da EEL - Escola de Engenharia de Lorena - Serviço Social Estrada Municipal do Campinho, s/nº - Lorena
Piracicaba Esalq - Atendimento à comunidade Av. Pádua Dias, 11 - Campus Luís de Queiroz
Pirassununga Campus da USP - Centro de eventos
Rua Duque de Caxias Norte, 225, Campus da USP
Ribeirão Preto Campus da USP - Serviço social Rua Clóvis Vieira, 26 - Monte Alegre
São Carlos Campus USP - Serviço social da Prefeitura Av. Trabalhador São Carlense, 400
A divulgação dos selecionados será feita em 23 de agosto.

Calendário

A partir do dia 3 de agosto, o manual do candidato vai estar disponível para consulta no site www.fuvest.br . As inscrições começarão no dia 28 de agosto e deverão ser feitas pela internet.

Os locais de prova da primeira fase serão divulgados no dia 16 de novembro. O exame acontecerá no dia 22 de novembro. As provas da segunda fase aconceterão de 3 a 5 de janeiro de 2010.

No próximo vestibular, o processo seletivo terá um novo formato . Com a mudança, a nota da primeira fase, com 90 questões, não será mais computada na pontuação final do vestibular. As provas da segunda fase, assim como as disciplinas específicas, foram alteradas .


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: