dcsimg

Entenda como a Universidade planeja adotar o novo Enem a partir de 2011


Mais de quatro milhões de jovens devem fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que, neste ano, ganhou uma importância ainda maior porque a nota passa a valer na disputa por uma vaga na maioria das universidades federais do país. Na Universidade de Brasília (UnB), porém, a adesão ao novo Enem só vai acontecer em 2011.

A nota no exame poderá ser usada como parte da nota do vestibular da UnB ou para preencher parte das vagas. A instituição não cogita substituir o atual processo de seleção, que há mais de dez anos utiliza conceitos como o de interdisciplinariedade e contextualização nas questões da prova, tanto no seu vestibular quanto no Programa de Avaliação Seriada (PAS).

“O sistema é um avanço por ter um exame unificado no país, mas tem o problema ainda da diversidade no ensino médio no Brasil, que pode ter forte implicação para a forte migração de estudantes de uma região para outra”, afirma Márcia Abrahão Moura, decana de Graduação da UnB.

Com a mudança no formato do Enem, o número de questões foi mais do que duplicado (passou de 63 para 180) e a prova será aplicada em dois dias (3 e 4 de outubro). No ano que vem, o Enem será obrigatório para todos os estudantes do último ano da rede pública.


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: