dcsimg

Enem deve ser realizado duas vezes em 2010


O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) deve ser feito em 2010 duas vezes por ano. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo apurou, a primeira prova seria realizada em abril ou maio e a segunda, em outubro ou novembro.

Os alunos poderiam participar dos exames quantas vezes quiserem. A nota mais alta seria considerada para seleção nas universidades que usarem o Enem. Além disso, a pontuação poderia ser utilizada em processos seletivos por um prazo de dois anos. Neste ano, 25 universidades federais substituíram seus vestibulares pelo exame.

A primeira edição do Enem em 2010 serviria também para ocupar vagas oferecidas pelas universidades no segundo semestre, funcionando como um vestibular de meio de ano. A ideia de fazer duas edições durante já havia aparecido na divulgação das mudanças da prova em maio. Porém, depois do vazamento do exame, em outubro, não havia confirmação de que isso ocorreria já em 2010.

O único impedimento que ainda existe para o exame de abril/maio é a contratação da empresa que fará sua organização e aplicação. O ministro da Educação, Fernando Haddad, quer que o TCU (Tribunal de Contas da União) libere o ministério de fazer licitações para esse serviço. Haddad defende que seja criada uma espécie de "Fuvest do MEC".

Essa entidade seria o Cespe (Centro de Seleção), da Universidade de Brasília (UnB), uma instituição pública já ligada ao governo federal. A prova que terminou ontem foi realizada pelo Cespe e a Cesgranrio, num consórcio chamado às pressas depois do vazamento do exame.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: