dcsimg

Novo Fies quer financiar 200 mil estudantes


O Financiamento Estudantil, Fies, foi procurado por 108 mil alunos no primeiro mês de inscrição, e 11 mil assinaram contrato, segundo dados do Ministério da Educação.

A secretária de Educação Superior do MEC, Maria Paula Dallari Bucci, diz que a grande procura pelo financiamento se deve a uma série de fatores, entre eles, a liberdade que tem o aluno de pedir o financiamento a qualquer tempo e a redução da taxa de juros de 6,5% ao ano para 3,4%.

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, FNDE, autarquia do MEC, opera o novo Fies desde o dia 03 de maio. Os dados do sistema eletrônico de inscrições do FNDE mostram que além dos estudantes que já obtiveram o financiamento, 11,1 mil estão com processos em análise na Caixa Econômica Federal, 17,7 mil estão sendo avaliados pelas comissões permanentes de supervisão e acompanhamento (CPSA), obrigatórias em cada instituição de ensino superior privado, e 63,5 mil alunos estão preenchendo dados no sistema.

Como o Ministério da Educação definiu que só financia cursos com conceitos três, quatro e cinco, os mais altos, a qualidade da oferta da educação superior tende a melhorar. “Quem ganha são os alunos e o país”, explica Maria Paula. Neste momento, as instituições redefinem os cursos e se concentram nas áreas onde estão melhores.

O diretor financeiro do FNDE, Antonio Correia Neto, explica que a contratação de mais de 11 mil financiamentos em menos de 30 dias mostra que as mudanças foram bem recebidas pelos universitários e instituições. O FNDE já tem garantidos recursos no orçamento para 125 mil contratos e solicitou crédito adicional para outros 75 mil, segundo Antonio Correia Neto.

Para mais informações, acesse o site do Fies.

Fonte: MEC


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: