dcsimg

Vestibular 2011: vagas aumentam com novos cursos


O concurso Vestibular 2011 da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) será realizado entre os dias 16 e 18 de janeiro próximo, com a oferta de 1.600 vagas em 33 cursos de graduação nas modalidades bacharelado e licenciatura. O aumento do número de vagas, em relação ao último vestibular, se dá em virtude da criação de quatro novos cursos na área de Engenharia - Civil, Elétrica, Mecânica e Química, cujo ingresso dos alunos aprovados será no segundo semestre do próximo ano. Leia abaixo outras informações sobre esses novos cursos.

As inscrições estão abertas até o dia 30 de setembro, podendo ser feitas apenas através do site http://www.uesc.br/vestibular/. Os detalhes sobre os procedimentos de inscrição no concurso Vestibular 2011 podem ser obtido no Edital Nº 118, retificado pela Portaria Nº 1104. Os demais cursos oferecidos são: Bacharelado - Administração, Agronomia, Biomedicina, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciência da Computação, Comunicação Social, Direito, Economia, Enfermagem, Engenharia de Produção e Sistemas, Física, Geografia, Lea, Medicina, Medicina Veterinária, Matemática e Química; Licenciatura - Ciências Biológicas, Ciências Sociais, Educação Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Letras, Matemática, Pedagogia e Química.

Reserva de Vagas - A Universidade conta com o sistema de cotas em todos os cursos de graduação. São beneficiados com 50% das vagas estudantes que tenham cursado todo o ensino médio e os últimos quatro anos do Ensino Fundamental em escola pública, sendo que, desse percentual, 75% serão destinados aos estudantes que se autodeclararem negros. Em cada curso serão admitidas até duas vagas para índios reconhecidos pela Funai ou moradores de comunidades remanescentes de quilombos.


Engenharia Civil - O novo curso de Engenharia Civil oferece 40 vagas, no turno diurno. Segundo o professor Ricardo Carvalho Alvin, o curso tem como objetivo oferecer sólida formação técnico - cientifica e profissional, possibilitando ao egresso atuar em diferentes áreas profissionais, em especial na área de projetos, consultoria e execução de estruturas civis e estruturas em geral. Além de permitir o desenvolvimento de atividades de planejamento, controle e gerenciamento de empreendimentos da indústria de construção.O curso está organizado com ênfase em materiais, água, meio ambiente, energia, estruturas e gestão da construção, com uma metodologia focada na resolução de problemas, vivência de situações práticas durante o aprendizado, em temas interdisciplinares a partir da elaboração de projetos integrados com ferramentas computacionais e experimentais, que permitam uma visão mais abrangente dos projetos e suas interferências, intensificando a formação humanística do futuro engenheiro, com vistas à responsabilidade sócio-ambiental. O professor explica que o curso de Engenharia Civil habilita o profissional formado para a realização de projetos, desde a sua concepção, passando pelo planejamento e execução, com gerenciamento e acompanhamento dos processos de produção na indústria da construção civil, durante e após o fim das obras, com a manutenção e operações das construções, além de permitir o desenvolvimento e aperfeiçoamento das técnicas construtivas, com base em processos sustentáveis.

Engenharia Elétrica - O curso de Engenharia Elétrica tem por missão formar profissionais para atuação como agente social, comprometidos com o desenvolvimento sustentável e a continua melhoria da qualidade do cidadão. O curso dará formação generalista aos profissionais, habilitando-os a atuarem nas sub-áreas de conhecimento da Engenharia Elétrica, com competência para aplicação de métodos e técnicas de automatização de processos produtivos, instalações elétricas e planejamento de sistemas elétricos de potencia. A abrangência do currículo vai habilitar o engenheiro eletricista a atuar nas esferas de projeto, consultoria e execução, desenvolvendo atividades de planejamento e administração de empreendimentos do setor elétrico em qualquer parte do país, ou prosseguindo seus estudos em nível de pós-graduação.

Engenharia Mecânica - O curso vai oferecer plena formação para que o egresso possa atuar em diferentes áreas profissionais, em especial na área de especificação e desenvolvimento de matérias e processos de fabricação, projetos e serviços, gestão, manutenção e otimização da produção, desenvolvimento e utilização de fontes de energia e matérias que visem a preservação do meio ambiente voltados para o crescimento e fortalecimento do país, sobretudo, da Região Sul da Bahia. Segundo o professor Ricardo Alvin, “com sólida formação profissional geral em materiais e processos de fabricação e com uma formação profissional especifica, com interface para outras áreas de Engenharia Mecânica, o futuro engenheiro vai estar apto a coordenar e gerenciar equipes e empreendimentos. Como também, planejar, conceber, analisar, projetar, gerenciar, produzir, aperfeiçoar e operar máquinas, equipamentos e estruturas metálicas, sistemas eletromecânicos de fabricação e movimentação, sistemas de geração, conservação e utilização de energias, planejar e minimizar impactos ambientais de processos e produtos, pesquisar e desenvolver novos materiais e processos.”

Engenharia Química - Este novo curso tem como objetivo capacitar profissionais para que possam conceber, projetar, construir e operar instalações de indústrias químicas, como as de petróleo, papel e celulose, alimentos, combustíveis, entre outras. Além disso, o curso formará profissionais habilitados à área de gerência, visando intensificar a formação humanística do futuro engenheiro, com vistas à responsabilidade sócio-ambiental. O engenheiro químico reúne competência para exercer suas atividades nos diversos setores da indústria química, em empresas, em instituições e na administração pública em geral. Está capacitado para identificar e solucionar problemas práticos, com senso de ética e capacidade de articulação. São atribuições desse profissional desde o projeto até a otimização de linhas de produção, formulações e desenvolvimento de produtos, controle de qualidade e o desenvolvimento de pesquisas tecnológicas mais eficientes e menos poluidoras.

Mais informações:

(73)3680-5035 – Gerencia de Seleção e Orientação (Geseor)
(73)3680-5036 – Comissão Permanente do Vestibular
 
Fonte: UESC


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: