dcsimg

Vestibular UnB 2011 neste fim de semana será disputado por quase 25 mil candidatos


O primeiro vestibular de 2011 da Universidade de Brasília será disputado por 24.847 candidatos. O número de inscritos foi divulgado pelo coordenador acadêmico do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), Paulo Portela, e representa 4,8% a mais que o volume de concorrentes do primeiro vestibular deste ano.

- Confira os locais da prova aqui.

A prova, que acontece nos dias 18 e 19 de dezembro no Distrito Federal, Goiás e Minas Gerais, traz uma novidade em relação aos vestibulares anteriores: as questões do tipo D, em que o candidato elabora as respostas e que variam de 0 a 3 pontos.
As questões abertas já são usadas no PAS desde 2006, e são uma forma de avaliar a capacidade do candidato de construir a solução para os problemas apresentados. Além de escrever, os candidatos podem usar gráficos, diagramas, modelos e desenhos. Até a última prova, o vestibular apresentava somente questões dos tipos A (certo e errado), B (resposta numérica) e C (múltipla escolha).

Questões abertas – Paulo Portela defende que as questões discursivas são o instrumento adequado para avaliar determinadas habilidades e competências que um candidato deve ter. “É o melhor método para medir a construção de uma argumentação consistente.” Ele conta que a questão discursiva atende necessidades de avaliação como, por exemplo, julgar se um texto está coeso e coerente.

O coordenador avisa, no entanto, que itens do tipo D não deverão ser encontrados em grande quantidade. Nas provas do PAS, por exemplo, eles aparecem de duas a quatro vezes. “Esse número dá uma ideia do que vai ser encontrado no vestibular", afirma Paulo. "Questões como essa demandam tempo para o candidato responder e para os professores corrigirem”, justifica.

Os novos itens deixaram animado Davi Félix Queiroz, um dos candidatos do vestibular, que concorre a uma vaga em Biotecnologia, curso oferecido pela primeira vez neste vestibular (saiba mais). Ao total, são 93 cursos e 1.999 vagas. “Essas questões conseguem realmente medir o conhecimento do aluno. O resultado pode estar errado, mas o raciocínio correto”, argumenta o garoto, que mantém o ritmo forte de estudos. São mais de dez horas diárias dedicadas aos livros, inclusive nos finais de semana. “Estou muito tranquilo, porque fui bem nas provas do Programa de Avaliação Seriada (PAS)”, conta Davi. Ele disputará o vestibular da UnB pela segunda vez.

Outra candidata, Juliana Cardoso, que irá prestar o terceiro vestibular da UnB, para Agronomia, acredita que as respostas abertas irão testar melhor o conhecimento dos candidatos. “Acho as questões tipo D muito melhores do que as de certo e errado”, diz. Para ela, os itens discursivos nivelam os concorrentes por cima. “Tem aluno que não estuda, vai pelo achômetro e passa por sorte”, afirma. “Com as questões tipo D, só quem sabe mesmo vai responder”.

Treino – Esse será o segundo vestibular em que os estudantes que ainda estão cursando o Ensino Médio ou que querem fazer a prova para testar conhecimentos podem se inscrever como treineiros. Essa modalidade garante ao participante apenas o espelho de desempenho individual, com o escore bruto. Quem faz o vestibular como treineiro não pode concorrer a uma vaga da UnB.

No DF, o vestibular será realizado em Brasília, Brazlândia, Ceilândia, Gama, Planaltina, Sobradinho e Taguatinga. Em outros estados, as provas ocorrem em Formosa (GO), Goiânia (GO), Valparaíso (GO) e Uberlândia (MG).

Fonte: UnB


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: