Home PreparaçãoBanco de QuestõesPortuguês O bom ladrão, de Fernando Sabino

O bom ladrão, de Fernando Sabino

by

1.

(UNIFESP) Texto para a questão:

Ultimamente ando de novo intrigado com o enigma de Capitu. Teria ela traído mesmo o marido, ou tudo
não passou de imaginação dele, como narrador? Reli mais uma vez o romance e não cheguei a nenhuma
conclusão.
Um mistério que o autor deixou para a posteridade.
(Fernando Sabino, O bom ladrão.)

Considere as afirmações sobre o que diz o narrador do texto de Sabino:

I. O mistério a que ele se refere decorre de uma narrativa ambígua, na qual há uma constante oscilação
entre a possibilidade – ou não – de Capitu ter cometido o adultério.

II. No romance a que ele se refere, o triângulo amoroso é formado por Capitu, Escobar e Quincas Borba.

III. A sua frase final denuncia-o convicto de que Capitu não traiu o marido.

Está correto o que se afirma apenas em

a) I
b) II

c) I e II

d) I e III

e) II e III

COMENTÁRIO: O possível triângulo amoroso do romance Dom Casmurro envolve Bentinho, Capitu e o suposto amante
dela, Escobar, segundo relata o narrador Bentinho, que crê no adultério. Já Fernando Sabino mostra-se
convicto da ambigüidade dessa obra machadiana (“Reli mais uma vez o romance e não cheguei a nenhuma
conclusão”).

Posts Relacionados